Poema Para Zanoto de Varginha Minas Gerais

DIVERSO CAMINHO…

Poeminho Para o Poeta Zanoto de Varginha

Para José de Souza Pinto, In Memoriam

Morre o Poeta Zanoto de Varginha
O trem da poesia desencarrilhou
Um anjo que, em Varginha parecia um E.T.
Desceu de uma carruagem de fogo do céu
E veio buscá-lo; para o Poeta Zanoto ir fazer poesia no desmundo…

Morre o Poeta Zanoto de Varginha
Se é que alguém como ele morrerá um dia
Foi brincar de pular nuvens ali, pertinho
E foi recolhido – porque Deus precisava
De um poeta para dar brilho celeste além de horizontes e crepúsculos…

Morre o Poeta Zanoto de Varginha
Amigo, irmão, marido, companheiro
Um paladino da cultura em pagos mineiros
Assim na terra como no céu ele estará conosco
Porque uma personalidade brilhante assim como ele nunca morre…

Morre o Poeta Zanoto de Varginha
Que divulgava poemas de outras freguesias
Era simples e humilde – e mesmo assim
Um coração de ouro e uma alma enluada
Desses sertões e brasis que ele amava tanto feito uma asaluz …

Morre o Poeta Zanoto de Varginha
E recolhemos nossas lágrimas em poemas
Saudades são formas de amor, que dizemos
Da grande perda; de alguém que, nos braços de Deus
Recolhe as nossas lágrimas feito tristes poemas de adeus!
-0-
Silas Correa Leite – Amigo de Zanoto
Itararé/Samparaguai
Site: http://www.portas-lapsos.zip.net
E-mail: poesilas@terra.com.br

Anúncios